Polícia investiga morte de criança atendida em Passo Fundo

A Polícia Civil está investigando um possível erro médico no atendimento, no Hospital Dia da Criança, a Gustavo dos Santos Ribas, de 8 anos

A Polícia Civil está investigando um possível erro médico no atendimento, no Hospital Dia da Criança, a Gustavo dos Santos Ribas, de 8 anos, que faleceu em 18 de junho após um quadro grave de pneumonia em Passo Fundo.

A família de Gustavo registrou um boletim de ocorrência contra o Hospital Dia da Criança, administrado pela Secretaria Municipal de Saúde de Passo Fundo.

Os problemas começaram na tarde de 16 de junho, quando Gustavo começou a se queixar de dores e mal-estar. Às 23h, seu pai o levou ao hospital, relatando que o menino apresentava dor nas costelas, febre e vômito.

No hospital, a equipe médica de plantão realizou exames de sangue e raio X. Baseada nos resultados, uma médica diagnosticou inflamação no apêndice e indicou a necessidade de cirurgia, que precisaria ser feita em outra instituição devido à falta de estrutura adequada no local.

No entanto, tanto o Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) quanto o Hospital de Clínicas (HC) estavam sem vagas disponíveis. Inflamação do apêndice foi descartada através de exames.

Segundo o pai, durante a madrugada, o estado de Gustavo piorou e ele passou a reclamar constantemente de dores no tórax. O plano, conforme registrado no boletim de ocorrência, era realizar um ultrassom às 8h da manhã.

Com a troca de plantão, uma nova médica atendeu Gustavo e, percebendo sua dificuldade respiratória, recomendou o uso de um broncodilatador em spray e oxigênio.

Pouco depois, outro médico avaliou o paciente. Levaram para fazer a tomografia e, em menos de uma hora, uma médica informou que era uma pneumonia muito grave, com o pulmão direito totalmente comprometido e o esquerdo quase totalmente.

A família registrou uma ocorrência na Polícia Civil. O caso está sob a responsabilidade da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que deverá instaurar um inquérito policial.

Na sequência, será solicitado o prontuário hospitalar para analisar todas as informações desde a entrada de Gustavo no Hospital Dia da Criança até o seu falecimento.

A Polícia Civil está investigando um possível erro médico no atendimento, no Hospital Dia da Criança, a Gustavo dos Santos Ribas, de 8 anos

Anunciantes

Redes Sociais

Recentes